Suicídio

Ao contrário do que as pessoas pensam, quase todo mundo que tenta suicídio avisou ou deu sinais antes. Ou seja, aquele provérbio "cão que ladra não morde" não vale para tentativas de suicídio. Praticamente só se vê tentativas de suicídio sem avisos anteriores em pacientes psicóticos.

  • 70% dos suicídios ocorrem em decorrência de uma fase depressiva.
  • Pessoas mais velhas se suicidam mais que as mais jovens.
  • Quanto mais planejado, mais perigoso no sentido de haver novas tentativas, caso essa não dê certo.
  • Tentativas em homens são quase sempre mais graves, mais brutais e mais bem sucedidas do que em mulheres.
  • Qualquer distúrbio Neuropsiquiátrico mais Álcool aumenta o risco de suicídio.
  • Qualquer distúrbio (Depressão, Ansiedade, Psicose, etc.) mais os seguintes fatores aumentam o risco: isolamento social, falta de amigos, não ser casado, não morar com uma outra pessoa, não ter filhos, não ser religioso.
  • O provérbio "cão que ladra não morde" não existe em suicídio. Pelo contrário, 90% de quem tenta, avisou antes.
  • Quem fez uma tentativa tem 30% a mais de chances de repetir do quem nunca tentou.
  • Nos casos de Psicoses agudas com pensamentos suicidas, ou Depressões Delirantes com idéias de suicídio, caso não seja possível hospitalizar o paciente, se o medico disser que o Acompanhante tem que vigiar todo o tempo, isso quer dizer até mesmo quando estiver no banheiro. Quer dizer janelas trancadas, quer dizer todas as armas, venenos, comprimidos, facas, garfos, fios, etc. fora do alcance. Quer dizer que o Acompanhante tem que ser fisicamente mais forte que o paciente e quer dizer que se o Acompanhante tiver que ir ele mesmo ao banheiro, primeiro tem que chamar um substituto igualmente ágil e forte.
  • Muitos jovens já perderam a vida numa distração de segundos do Acompanhante. A grande maioria desses jovens poderia estar viva, pois o tratamento desses quadros agudos traz resultados logo nos primeiros dias.

 

Perguntas e Respostas sobre prevenção de suicídio