Perguntas e Respostas: 

Bulimia, Anorexia, Comer Compulsivo, Síndrome de Pica

1) Sibutramina, Topiramato, Bupropiona, Citalopram usados como moderadores de apetite.

Pergunta 1:
Qual a relação entre Sibutramina e Amato no tratamento como moderador de apetite (emagrecer)?

Resposta:

Sibutramina (Reductil, Redulip, Plenty) e Topiramato (Topamax, Toptil, Amato) são sim medicamentos que entre outras coisas podem diminuir a sensação de fome, mas, como em todo tratamento de obesidade, eles são parte do tratamento, não tudo.

Por exemplo reeducação alimentar, dieta elaborada por nutricionista, exercícios físicos, etc.


Pergunta 2:
Olá, gostaria de saber se a combinação de Citta 20 mg mais Bup 150 mg é positiva para a Depressão e para a Compulsão Alimentar. Obrigado.

Resposta:

Tanto o Bup (Bupropiona, Wellbutrin XL, Zetron, Zyban) quanto o Cittá (Citalopram, Deciprax, Procimax) são bons antidepressivos.

O Bup inibe um pouco o apetite. Se o a fome exagerada vem de ansiedade, o Cittá também é bom para baixar a ansiedade.

Mas nenhum tratamento para perder peso deve ser baseado apenas em medicamentos.

2) Por que às vezes sai sangue quando a bulímica vomita?

Pergunta:
Gostaria de saber por que, às vezes a pessoa bulímica não consegue vomitar, e por que às vezes sai sangue quando a bulímica vomita?


Resposta:
Pode ser gastrite ou esofagite erosiva, varizes de esôfago, estomatite, mas o mais frequente é o trauma físico.

As bulímicas podem até mesmo enfiar cabides de arame na garganta, para forçar o vômito.

3) Emagreço e engordo tudo de novo

Pergunta 1:

Tomei Sertralina devido a compulsão alimentar, indicado pela Endócrino. Mas depois de um tempo ela me acabou me engordando.

Passei para o Bup 150 mg mas me deixou muito nervosa. Agora ela me deu Fluoxetina 20 mg, ela me deixa bem calma mas não segura a vontade de doces como o Bup.

Posso usar a Fluoxetina e o Bup juntos?

Resposta:

Geralmente os pacientes podem tomar Bup (Bupropiona) e Fluoxetina (Prozac, Verotina) juntos sem problemas. Mas tratamento de Compulsão Alimentar envolve medicação mais reeducação alimentar, orientação com Nutricionista, exercícios físicos, força de vontade, etc.


Pergunta 2:
Já faz um bom tempo que venho utilizando fórmulas p/ emagrecer, receitadas por médicos.

O fato é que quando consigo atingir o peso estipulado começo a engordar tudo de novo e é claro entro num quadro depressivo terrível.


Decidi parar com esses remédios e conversei c/ a médica, pois acabei desenvolvendo o quadro de "comer compulsivo".

Ela disse que não se pode retirar assim de repente: do mesmo modo que iniciei aos poucos deve ser retirado também aos poucos e para me ajudar com o problema mencionado, adicionou alguns componentes na fórmula e me receitou um Shake emergencial p/ quando eu começasse a sentir aquela fome incontrolável. Ainda não tomei esse tal Shake e depois do que li sobre o sintoma do uso de Anfetaminas, percebo que tenho sim efeitos colaterais (emocionais e psicológicos). Gostaria de saber se posso sim interromper imediatamente o uso dessa fórmula?

Dietilpropiona 50mg, Hypericum perforatum 80 mg, Valeriana officinalis 200 mg, Passiflora incarnata 100 mg, L-Triptofano 100 mg, Minital 250 mg, Citrin extract 500 mg, Benzocaína 200 mg, Picolinato de cromo 150 mg e L Taurina 80 mg. OBS: tomo 3 cápsulas da fórmula e 1 do Dietilpropiona 1hora antes do almoço e jantar).

Resposta:

Você montou num tigre, não é tão fácil desmontar.

Seu médico deve organizar a retirada desses remédios e se for o caso administrar os sintomas de abstinência, se eles surgirem.

E se você sofre de Compulsão Alimentar, o tratamento é composto de Psicoterapia e medicamentos adequados, conforme você pode ler na página de Transtornos Alimentares.

4) 7 meses sem menstruar e perdendo constantemente peso.

Pergunta:
Estou há 7 meses sem menstruar, e perdendo constantemente peso.

Não de forma drástica, entretanto. Da última vez que me pesei estava com 41, 5 kg; meço 1, 60 m.

Constantemente as pessoas comentam sobre o modo como tenho emagrecido, principalmente meus pais; por conta disso resolvi investigar o porquê desse meu quadro.

Fui a uma ginecologista que me pediu alguns exames, e tudo foi dado como normal, a não ser o número de leucócitos a baixo do esperado no exame de sangue.

Já li algumas coisas sobre Anorexia nervosa, e percebi que talvez apresente alguns dos sintomas, como medo de ganhar peso e restrição excessiva da alimentação.

No entanto não acho que esteja gorda, nem faço uso de laxantes ou provoco o vômito, mas não consigo comer nada sem contar as calorias, e fico me culpando.

Interesso-me por revistas que falem de exercício e dietas.

Só pensei em meus comportamentos quando comecei a perceber a reação das outras pessoas; não acho que esteja com problema algum, mas me preocupa a ausência da menstruação.

Gostaria que vocês me esclarecessem se posso estar com Anorexia nervosa.

Resposta:
Provavelmente sim, mas as meninas que tem Anorexia quase nunca acham que estão doentes.

A falta de menstruação, na ausência de alterações hormonais e a perda de peso são grandes indicadores de Anorexia Nervosa.

© 2020 por mentalhelp