Falta de Serotonina

Pergunta:

Boa tarde, Dr. Rubens Pitliuk, devido a algumas crises de Pânico e uma ida ao Psiquiatra, que me receitou Rivotril antes de dormir (0,25 mg), procurei um médico Ortomolecular, já que as crises persistiam. Depois de um exame clínico, ele disse que a minha produção de Serotonina e Dopamina não está sendo suficiente, por isso eu fico ansiosa, nervosa e às vezes deprimida.

Para resolver este problema ele receitou um medicamento de manipulação para aumentar a síntese de Serotonina e Noradrenalina e disse que com isso a minha sensação de bem estar e prazer aumentaria e conseqüentemente minha ansiedade e crises de Pânico diminuiriam (ele pediu para eu continuar tomando o Rivotril).

Gostaria de saber se estas informações são verdadeiras e qual o risco desta reposição de Serotonina e Dopamina, tenho medo que quando parar de tomar estas medicações, meu organismo sinta a falta e eu fique com Depressão, por exemplo.

 

Pergunta: 

Li todas as perguntas e suas respostas e restou uma dúvida. Em quase todas o senhor afirma que não existe como aumentar a produção de Serotonina, mas o senhor diz que sim Antidepressivos, Psicoestimulantes, Fototerapia, esportes, chocolate aumentam.

Será que entendi errado?

 

Resposta:

Chocolate, Antidepressivos, Fototerapia, etc. aumentam a produção ou o aproveitamento da Serotonina sim.

Mas o mecanismo não é tão simples e é em grande parte desconhecido.

O que eu quero dizer é que não adianta tomar produtos à base de Serotonina nem de Noradrenalina nem Dopamina (se é que eles existem).

Se tomar Serotonina funcionasse, os laboratórios do mundo inteiro fabricariam cápsulas ou ampolas dela.

O fato dos Antidepressivos e Neurolépticos corrigirem alterações no metabolismo desses Neurotransmissores não quer dizer que eles estão em falta.