Tratamento com Zolpidem (Stilnox, Patz, Nuit Flash, Turno, Riposo, Lune, Noctiden)

Atualizado: Jul 13


Tratamento com zolpidem
Tratamento com zolpidem

"Estou tranquila. Me receitaram um remedinho para dormir que é Tarja Vermelha, nem precisa Receita Azul."


Pessoal, é aí que mora o perigo.


Se esse “remedinho leve” é o Zolpidem (Stilnox, Stilnox CR, Patz SL, Nuit Flash, Turno, Riposo SL, Zolfest D, Lune SL, Noctiden, Zolpaz, Zylinox, Pidezot) cuidado.



A maioria dos pacientes tomam quando precisam e não têm problemas com Zolpidem. Mas para muitos outros, é fácil começar e difícil parar.


1) Esse arco-íris de tarjas e receitas é coisa brasileira. Fora do Brasil existe remédio com receita (Prescription) e sem receita (OTC – over the conter). Tarja vermelha, preta ou sem tarja não é garantia de falta de colaterais.


2) Zolpidem tem início de ação muito rápido (se for o Sublingual, mais ainda) e vida média curta (o efeito passa depois de poucas horas).


3) Quanto mais rápido começa e acaba o efeito de uma substância, mais o organismo cria dependência. Por isso que não existe dependência de antidepressivos. O efeito começa depois de mais de uma semana e o remédios também é eliminado em 1 a 2 semanas.


4) Nas primeiras noites é aquela maravilha. Depois de um tempo o sono não á mais tão bom, precisa aumentar a dose.


5) Você pode acordar de manhã e sentir um tipo de melancolia que não sentia antes.


6) Você pode começar a ter falhas de memória durante o dia.


7) Você pode acordar de manhã e descobrir que comeu, fritou ovo, fez compras na Internet durante a noite.


Isso sem falar nas pessoas que começam a tomar durante o dia para relaxa, euforizar e fazem coisas automaticamente como se estivessem sonâmbulas.

Então, Zolpidem é um remédio como qualquer outro, precisa controle médico. É bom? É! É eficaz? É. É Santo? Não! É difícil parar sem ajuda médica? É difícil, mesmo com ajuda médica.